sábado, 30 de abril de 2011

Brinde ao possível

"Pelo amor e o que ele nega
pelo que dá e cega
pelo que virá enfim,
não digo que a vida é bela
tampouco me nego a ela:
_ digo sim."

3 comentários:

b. girauta disse...

gostei, não podia acabar de outro jeito.

Bárbara disse...

eu amei isso.
de quem é?

Tainá disse...

haha, imaginei que você fosse gostar. É "Digo sim", do Ferreira Gullar.